Como Motivar os Funcionários da Sua Empresa

Para ter uma empresa de sucesso que dê muitos lucros e seja bem estruturada, é preciso que o empresário motive seus funcionários, afinal de contas uma empresa não se faz com apenas uma pessoa.

Especialistas indicam que a maior motivação para os funcionários de uma empresa é a que exige menos investimento. Não é a motivação em dinheiro e sim a motivação que aparece no relacionamento interpessoal.

Os funcionários são pessoas como quaisquer outras, por isso eles têm a necessidade de serem valorizados. Trabalhar em uma empresa que oferece um crescimento pessoal e profissional é a maior motivação. Diversas vezes isso é provado quando os gerentes e os diretores começam a ouvir um pouco mais os colaboradores.

Os funcionários mais motivados estão trabalhando nas empresas que se preocupam com o ser humano, ou seja, que investem na qualidade de vida deles.

Todos os empresários devem entender antes de qualquer coisa, que eles lidam diariamente com seres humanos, quer dizer, pessoas com família, problemas emocionais, financeiros e com necessidades, por isso é muito importante entendê-los e não tratá-los como simples robôs como ocorrem com diversas empresas.

Para motivar os funcionários, por exemplo um vendedor, o empresário deve ser flexível, porque não existe uma forma milagrosa que serve para todos os empregados, pois, cada ser humano, é único e diferente, com suas características e individualidades.

Para conseguir ótimos resultados com o grupo de trabalho é muito importante ser flexível e entender cada pessoa que trabalha na empresa. Para motivar os funcionários só precisa ser flexível, ter bom senso, disposição e boa vontade.

Como motivar os funcionários da sua empresa

Enxergue os funcionários individualmente – Saiba enxergar individualmente seus funcionários, considerando as características individuais de cada um, com essa relação sincera, seu funcionário ficará mais motivado.

Diga como seus funcionários são importantes – Saber reconhecer as qualidades e orientar os profissionais são características de um bom líder e de uma ótima empresa, fique alegre com as conquistas e participe das realizações, não esquecendo de dizer para seus profissionais como eles são importantes para o sucesso da empresa.

Elogie seus profissionais – Quando os funcionários fazem alguma coisa errada, o chefe logo chama a sua atenção, mas comumente ao conquistar uma coisa importante, quase sempre o patrão nem fala, então elogie seus funcionários sempre que eles merecerem.

Crie um ambientes adequado – Os empresários que querem motivar de verdade seus funcionários devem investir em seu desenvolvimento pessoal e profissional, então ofereça aos seus funcionários programas de treinamento técnicos, propiciando um desenvolvimento profissional e geral, falando de assuntos que envolvam, qualidade de vida, relacionamento familiar, gerenciamento de estresse, gerenciamento do tempo e relações pessoais.

Dê assistência frequente – O patrão deve estar sempre por perto para dar assistência aos seus profissionais, dando conselhos e ajudando no que eles precisarem.

Conquiste a confiança da equipe – Na vida é muito importante conquistar a confiança das pessoas e em uma empresa não é diferente, pois quando os profissionais confiam em seu chefe tudo corre melhor e a produção aumenta.

Portanto se tem uma empresa de pequeno, médio ou grande porte  e quer motivar a sua equipe de trabalho, siga as dicas acima e verá que os resultados virão em breve. Então cuide bem dos seus trabalhadores para ter uma empresa de sucesso.

Dicas para Impressionar em uma Entrevista de Emprego

Na crise que o Brasil está passando atualmente, está cada vez mais difícil conseguir um emprego, pois a competição é muito grande e só fica com a vaga quem for o melhor.

O primeiro passo para conseguir um emprego é se qualificar  para o cargo desejado. Em seguida, o profissional deverá se preparar para a entrevista de emprego, que é o passo mais importante para conseguir um trabalho.

Dicas para impressionar em uma entrevista de emprego

Prepare a memória – Ao ser chamado para uma entrevista de emprego, o candidato à vaga fica muito nervoso e na hora da entrevista pode esquecer algo importante da sua carreira, por isso, é importante anotar no papel, os momentos mais importantes que teve no trabalho, aí quando o entrevistador perguntar, você estará preparado.

Pessoas sem experiência profissional – Para quem está em busca do primeiro emprego, a dica é anotar as experiências mais importantes que teve na escola, pois é muito importante para o entrevistador saber que o jovem é capaz e pode ficar com o cargo disponível.

Evite o nervosismo – Pode parecer difícil, afinal a entrevista de emprego é uma situação em que está sendo avaliado e a pessoa que está na sua frente vai decidir se está qualificado ou não para o trabalho, mas se acalme, pois profissionais nervosos costumam mostra insegurança e os recrutadores não gostam disso.

Escolha a roupa certa para vestir – Em uma entrevista de emprego, a roupa escolhida conta muito. A dica é usar roupas sociais, por exemplo: mulheres podem investir em calças de tecido ou saias médias ou longas e uma camisa feminina ou uma blusa bonita com detalhes discretos e um blazer, já os homens devem optar por camisa social e calça de tecido, a gravata e o paletó, vão depender do cargo. Os acessórios não podem ser muito chamativos e se tiver tatuagens cubra-as.

Tenha cuidado no que vai falar – É essencial que o entrevistado preste muito atenção no que vai falar e na forma de falar. Procure não falar com erros de português ou gírias. Fale somente o necessário, sobre o que for perguntado.

Estude sobre a empresa – Antes da entrevista de emprego, os candidatos devem estudar a empresa onde vão fazer a entrevista de trabalho. Pesquise sobre a companhia na internet, assim descobrirá tudo sobre o estabelecimento.

Pense nos seus pontos fracos e fortes – Todos os candidatos que participarão de uma entrevista de emprego devem ter na mente todos os seus pontos fracos e também os fortes. Descubra seus pontos fortes e prepare exemplos que os demonstrem, com situações vividas que comprovam as suas qualidades. É preciso também descobrir seus pontos fracos, os pontos em que você precisa melhorar, pois isso pode ser falado na entrevista.

Ensaie em casa – Pesquise na internet as perguntas mais frequêntes em uma entrevista de emprego e ensaie em casa, com isso, seu nervosismo diminuirá.

Relaxe – Na noite anterior à entrevista de emprego, consuma uma alimentação leve e tente dormir, pelo menos, oito horas, mas cuidado para não esquecer a hora da sua entrevista.

Higiene – Vá para a entrevista de emprego com roupas e sapatos limpos, cabelo bem penteado, unhas bem feitas e uma maquiagem leve, pois a aparência é essencial em uma entrevista de emprego.

Portanto, siga as dicas acima para impressionar em uma entrevista de emprego, faça tudo que estiver ao seu alcance e aguarde uma resposta positiva.

Você Sabe Qual é o Valor de Sua Marca Pessoal?

No mundo empresarial é muito importante ter uma marca pessoal positiva que passe credibilidade, pois o mercado é muito competitivo e só se destacam os melhores que usam seus talentos para fazer a sua empresa brilhar.

Grandes líderes e empresários têm em comum uma coisa que muita gente ainda não conhece, se trata da marca pessoal. É possível perceber que algumas pessoas passam credibilidade e confiança, e apenas é preciso falar seu nome para atrair pessoas interessadas no que elas querem dizer, um exemplo é o apresentador Silvio Santos.

Silvio Santos está a muitas décadas trabalhando na TV e tem mais de 40 empresas, todas com muito sucesso, isso é porque sua marca pessoal se tornou popular e adorada por todos, é só ouvir o nome Silvio Santos para as pessoas associarem a alegria, simpatia e um apresentador de muito talento.

Como montar a sua marca pessoal?

Especialistas dizem que para uma pessoa montar uma marca pessoal positiva, tanto na vida profissional como particular é preciso se conhecer bem, assim poderá oferecer para as pessoas o que tem de melhor.

A marca pessoal é essencial para o sucesso empresarial, caso ainda não tenha a sua marca pessoal definida, a dica é prestar atenção em você para descobrir seus talentos.

O primeiro passo para começar a montar a sua marca pessoal é fazer um diagnóstico completo de todas as suas realizações de sucesso ou não, você deve pensar em tudo da sua vida profissional e também pessoal.

Para que qualquer pessoa possa fazer a sua marca pessoal ela precisa responder a três perguntas: Quem sou? O que quero? O que vou fazer para conseguir isso?

Ao responder essas três questões sinceramente, se tornará fácil montar uma estratégia para fazer uma marca pessoal que será requisitada aonde for.

A primeira pergunta: Quem sou? Essa pergunta é a base para definir a sua identidade. Nas empresas, a partir do momento que a identidade do profissional é definida, o cargo dele, seja de empregado ou de chefia, é potencializado, porque os funcionários  se sentem inspirados e entusiasmados para atuar no dia a dia e alcançar metas maiores.

Essa pergunta também se aplica ao indivíduo, porque com a definição clara de identidade, a pessoa aprimora sua pontaria em decisões importantes, como onde morar, onde trabalhar, casar-se, ter filhos e outros e ainda muda seus pensamentos para enfrentar as dificuldades.

Na segunda pergunta: O que quero? O profissional deve definir seus objetivos em relação a todos os setores de sua vida, como: pessoal, profissional e mental, direcionando as suas ações e atitudes.

Na terceira pergunta: O que vou fazer para conseguir isso? A pessoa deve estruturar seus pensamentos para alcançar seus objetivos, através de estratégias e planos que envolvam seus esforços e capacidades.

Você sabe qual é o valor da sua marca pessoal?

Depois de ler esse artigo e seguir todas as dicas, com certeza, os profissionais que ainda não sabiam quanto a sua marca pessoal valia, vão começar a ter uma ideia. Tanto no mercado empresarial como na vida em geral, é essencial nos conhecermos bem para sabermos o que podemos ou não oferecer para a empresa que trabalhamos e para as pessoas próximas de nós.

Aumente Sua Produtividade com Administração do Tempo

Devido nossa rotina cada vez mais com mais responsabilidade e tarefas é bem comum as pessoas se sentirem estressadas e até mesmo dizendo que o dia com 24 horas não é suficiente para atender sua demanda. Será que realmente o tempo está escasso ou você não está sabendo usar o tempo a seu favor. É para isso que serve a administração do tempo.

Em uma palestra de administração do tempo que nossa equipe participou um tempo atrás foi feito as seguintes perguntas no início da apresentação e que acho que vale a pena trazer para reflexão de vocês, caros leitores:

  • Você sente que 24 horas não é suficiente para resolver todas as atividades?
  • Você costuma perder prazos de entrega de suas tarefas?
  • Você passa do horário para finalizar suas demandas?
  • Você vai ter de passar a madrugada de hoje trabalhando em sua residência, pois não cumpriu tudo o que tinha para fazer no expediente?
  • Geralmente você leva trabalho para sua casa?
  • Nos últimos tempos, você se sente sempre reclamando de tudo?
  • Você não tem tempo ou nem motivação mais para sair com amigos e familiares?

Se você respondeu sim para a maioria das perguntas, saiba que esses são os sinais mais altos de que para aumentar sua produtividade e ter mais qualidade de vida será necessário gerir melhor seu tempo.

O que é administração do tempo?

Muitas pessoas acham que fazer a gestão do tempo é ter o controle total de tudo no seu dia a dia. Mas isso é praticamente impossível nos dias de hoje. Portanto, administrar bem seu tempo é fazer o que precisa ser feito de forma organizada e usando seu tempo da melhor forma para cumprir suas metas diárias.

Uma das principais vantagens em organizar seu dia é ter tempo suficiente para fazer tudo o que precisa ser feito e ainda sobrar tempo para você curtir da melhor forma: seja sozinho, com amigos, familiares, etc.

Quando você não usa bem seu tempo é bem capaz de reclamar que sempre está se sentindo cansado, estressado, sem paciência e com sensação de correr, correr e parecer não sair do lugar.

Administração do tempo é  se tornar mais produtivo, organizado e sem estresse com muito mais qualidade de vida.

Como conseguir gerir melhor meu tempo?

Vamos então lhe passar algumas formas de conseguir se organizar melhor. Confira:

  1. planeje seus dias de trabalho com bastante antecedência, não deixe para o dia;
  2. levante-se um pouco mais cedo, pois o dia renderá mais e melhor;
  3. não se sobrecarregue com compromissos que você não pode assumir. Lembre-se, você é humano;
  4. não se sobrecarregue de tarefas, prefira delegar as que não tenha necessidade de sua atuação tão direta;
  5. marque um tempo para cada tipo de tarefa;
  6. faça sempre uma tarefa de cada vez;
  7. procure usar mais a comunicação on-line;
  8. evite falar muito ao telefone, prefira usar o e-mail para ter mais controle dos assuntos;
  9. mantenha o local de trabalho sempre organizado;
  10. não saia da sua rotina;
  11. ao final de cada dia e semana de trabalho, analise se tudo foi cumprido dentro do prazo e, se necessário, faça ajustes para que haja uma melhoria contínua;

Essas dicas podem até parecer difíceis de praticar, mas se lembre que um comportamento só adotado se você ter o hábito diário de praticá-lo. Tente fazer isto por uma semana e veja se teve resultados.

Ser organizado e cumprir suas metas diárias irá lhe proporcionar uma qualidade de vida muito melhor e tenha certeza, os outros irão notar como você irá se tornar uma pessoa e profissional melhor!

 

Dicas de Comunicação no Ambiente de Trabalho

Ter uma empresa de sucesso e com chances de crescer cada vez mais é o objetivo de todos os empresários, porém eles precisam saber que para conseguir o tão sonhado êxito no negócio, precisam não só de profissionais competentes e produtos competitivos, pois, tudo isso de nada adianta se a empresa não tiver uma boa comunicação.

A importância da comunicação no ambiente de trabalho

Saber falar com as pessoas para dar ordens, pedir algo ou se fazer entender, é muito importante para todos os profissionais de uma empresa, e na vida pessoal a comunicação também é essencial.

Companhias, nas quais os chefes não sabem falar com seus trabalhadores ou os funcionários não se comunicam entre si, acabam perdendo a força no mercado e algumas até pedem falência. Já que não tem comunicação, como todos os funcionários saberão o que fazer e como o chefe saberá o que seus trabalhadores querem ou precisam?

Para os empresários e empregados que têm problemas de comunicação no trabalho, aqui vão algumas dicas simples que podem ser seguidas por qualquer pessoa que queira estabelecer a comunicação em seu ambiente de trabalho.

Dicas de comunicação no ambiente de trabalho

Faça o feedback – Todo profissional deve saber que não importa o que ele fala, o importante é o que o outro ouve, por isso, depois de algum comunicado ou reunião realize um feedback para ver se todos entenderam o que falou.

Escolha o canal de comunicação certo – Escolher o canal para se comunicar com as pessoas da empresa é essencial, muitos empresários resolvem assuntos importantes por e-mail ou telefonema, mas assuntos importantes devem ser tratados pessoalmente e se necessário documentado.

Uma imagem vale mais que mil palavras – Muitos líderes confiam excessivamente no poder de convencimento de seu discurso. É indicado sempre que tiver que fazer uma apresentação para um grupo utilizar um editor como o Power Point e faça uma apresentação não só com textos como também com imagens. Encontre e exiba imagens que demonstrem suas boas ideias.

Fale somente o necessário – Muitos profissionais acham que nas reuniões devem se destacar falando qualquer coisa e acabam passando vergonha. Se for falar alguma coisa sem importância para o assunto da reunião, fique calado, porque só as boas ideias destacam os profissionais.

Não fique calado desnecessariamente – Se você tem boas ideias para acrescentar em uma reunião, não se cale e fale, mas antes, tenha certeza que irá acrescentar algo positivo para a empresa.

Cada perfil exige um discurso diferente – Conforme o tempo vai passando, os profissionais começam a conhecer melhor seu chefe e colegas, com isso, ele perceberá qual discurso os convencerá melhor. Têm pessoas que gostam de ver imagens, outras não abrem mão de ver os dados comprovados em gráficos, também têm aqueles que se encantam facilmente, e outros.

Nunca interrompa quem estiver falando – Em uma reunião, ouça o que o profissional está falando e jamais o interrompa, não importa se é seu chefe ou um profissional abaixo de você, pois a educação é essencial para o sucesso profissional e para haver comunicação é preciso que todos saibam falar, mas principalmente, escutar.

Portanto, a comunicação é muito importante em todas as empresas, se for praticada sempre, a empresa e os profissionais só têm a ganhar.

O Poder da Quick Massage para Relaxar os Funcionários

Trabalhar em uma empresa com todas as condições necessárias para um bom trabalho é o que todo funcionário precisa, pois só assim ele poderá exercer todas as suas atividades com cuidado, energia e segurança. É de responsabilidade da empresa a disponibilidade de um ambiente de trabalho confortável e seguindo todas as normas de segurança.

Em geral, o trabalho costuma ser bem cansativo, por isso, os empresários buscam diferentes formas de agradar seus profissionais e deixá-los com mais pique para realizar as suas atividades do dia a dia. Uma das formas de relaxar os trabalhadores é adicionando na empresa a massagem.

Massagem nas empresas

A massagem na empresa é uma ótima opção para oferecer bem-estar e relaxamento para os funcionários de todos os setores de uma companhia. Ela pode ser feita nos intervalos do trabalho, porque é rápida e leva no máximo 20 minutos. A massagem também deixa os trabalhadores sem dores, mais calmos e descansados. Entre as massagens mais indicadas para empresas de todos os portes está a Quick Massage.

Quick Massage

A Quick Massage traz muitos benefícios aos trabalhadores, ela foi criada com a junção de duas técnicas orientais, a Anmá e o Shiatsu. Quick significa rápido e Massage, quer dizer massagem, então é uma massagem rápida. A Quick Massage pode ser realizada em até 15 minutos.

A principal função dessa massagem é relaxar os músculos dos trabalhadores em pouco tempo. Depois que ela é feita, a pessoa já começa a se sentir bem melhor.

A Quick Massage é realizada com uma cadeira ergonômica feita especialmente para essa atividade, que só pode ser colocada em pratica por um profissional qualificado, que pode ser um massagista ou massoterapeuta.

Por que escolher a Quick Massage para sua empresa?

Em primeiro lugar, a Quick Massage é uma massagem rápida e eficaz, isso quer dizer que ela pode ser feita nos intervalos dos trabalhadores, além disso, ela oferece muitos benefícios ao corpo e a mente dos profissionais, alguns benefícios são: provoca bem-estar imediato, diminui as tensões do dia a dia, deixa os músculos relaxados, combate o estresse e faz as dores desaparecerem.

É importante saber que, como a maioria das coisas no mundo, a Quick Massage tem suas contraindicações, são elas: pessoa que tenha passado por uma cirurgia recente, tenha ferimentos graves, problemas de pressão alta ou baixa, febre ou que tenha se alimentado a menos de 40 minutos não pode fazer a Quick Massage.

A Quick Massage pode ser feita em várias partes do corpo, e as principais são: cabeça, pescoço, costas, braços e pernas. Após passar por uma sessão dessa massagem os trabalhadores ficam com a cabeça mais leve e concentrada no trabalho, acaba com o estresse e o cansaço da rotina.

A massagem é uma maneira de cuidar melhor dos funcionários em geral, e com o relaxamento dos profissionais, não são só eles que vão ganhar, pois trabalhando sem cansaço e dores, as atividades renderão mais, e por consequência, a empresa terá muito mais lucro.

Conforme consulta a página www.conceitozen.com.br/quick-massage.html o valor para que sua empresa proporcione este tipo de atendimento a seus funcionários custa em média 300 reais para empresas de qualquer porte.

Portanto, se tem uma empresa com poucos ou muitos funcionários e quer melhorar a saúde deles e a qualidade do trabalho. Adicione ao seu estabelecimento a Quick Massage.

O que acham desta sugestão?

Semana Interna de Prevenção de Acidentes no Trabalho

Diariamente os trabalhadores do mundo inteiro exercem as suas atividades em ambientes pouco propícios, e isso, muitas vezes, podem acarretar em acidentes de trabalho e doenças ocupacionais.

Para diminuir os acidentes de trabalho, as empresas contam com um setor de segurança do trabalho chamado CIPA, que fica responsável por todas as atitudes que visam acabar com as doenças e acidentes de trabalho. Entre as ações disponíveis para acabar com os acidentes de trabalho está a SIPAT.

O que é SIPAT?

SIPAT (Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho) é uma semana de treinamento que toda empresa deve oferecer aos seus funcionários uma vez ao ano. Esse evento oferece aos profissionais de uma determinada empresa, várias atividades com a finalidade de conscientizar a todos os trabalhadores sobre os riscos que eles correm todos os dias nos ambientes de trabalho.

A Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho deve ser organizada pela CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes), que todas as companhias devem ter. O planejamento da SIPAT deve ser feita pela CIPA em parceria com o SESMT (Serviço Especializado em Segurança e Medicina do Trabalho).

Em muitas empresas, o setor de Recursos Humanos participa ativamente da organização da SIPAT, principalmente para colocar o fator comportamental como forma de mudanças.

A SIPAT deve ser realizada no horário de trabalho já que é considerada como uma espécie de treinamento que todos os profissionais da empresa precisam participar.

Objetivos da SIPAT

O principal objetivo da Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho (SIPAT) é conscientizar os trabalhadores, através de diversas atividades, sobre a grande importância da prevenção das doenças e acidentes do trabalho.

A SIPAT trabalha na conscientização de todos os empregados de determinada empresa, demonstrando a importância que cada um deles tem na sua própria segurança e de toda a empresa. Após passar por uma semana interna, os colaboradores  se tornam pessoas mais conscientes de seus direitos e deveres e começam a tomar cuidado com as suas atividades para prevenir as doenças ocupacionais e os acidentes do trabalho.

Outro objetivo da SIPAT é mostrar para o dono da empresa que ele é o maior responsável pela segurança e qualidade de vida de seus funcionários, por isso ele tem o dever de oferecer as melhores condições possíveis para que seus empregados trabalharem com conforto e saúde, ou seja, o empresário precisa assegurar o bem-estar e a saúde de todos seus funcionários.

A SIPAT também é uma forte aliada no combate a problemas de comportamento dos trabalhadores, como o uso de drogas, fumo, alcoolismo e falta de ética e cuidado no trabalho.

Atividades na SIPAT

A SIPAT procura conscientizar todos os profissionais para prevenir acidentes de trabalho e doenças ocupacionais e para que todos entendam os assuntos que são abordados nessa semana interna a SIPAT realiza diversas atividades como: gincanas, palestras, brindes, teatro, música, humor e muitas outras.

Os assuntos abordados em uma SIPAT são muitos, nos quais estão: prevenção de acidentes de trabalho e de doenças ocupacionais, o uso correto dos EPIs (Equipamentos de Proteção Individuais), prevenção de DSTs (Doenças Sexualmente Transmissíveis), comportamento dentro e fora do ambiente de trabalho, prevenção de incêndios e muito mais.

Algumas empresas especializadas em atividades para a SIPAT, como por exemplo, a empresa paulista Conceito Zen, oferecem diversas opções de serviços para clientes.

Em contato com a sócia da empresa, Iara Pereira, soubemos que é muito comum seus clientes realizarem palestras, apresentações teatralizadas com personagens e também um dia relaxante com massagem para os funcionários. Desta forma, o evento fica mais dinâmico e gera maiores expectativas para os funcionários.

Para conhecer mais sobre as atividades para SIPAT da Conceito Zen, indicamos acessar o link http://www.conceitozen.com.br/sipat.html

Podemos concluir portanto, que a Semana Interna de Prevenção de Acidentes no Trabalho (SIPAT) foi criada para ajudar na prevenção de riscos nas empresas e garantir a todos os trabalhadores uma melhor qualidade de vida. Essa semana é obrigatória em todas as empresas brasileiras e as que não cumprirem a lei serão multadas pelo MTE.

Importância de Dar Feedback Positivo e Negativo

Administrar uma empresa de sucesso não é nada fácil, porque é preciso dar atenção a muitas coisas, como o mercado que abrange o setor da sua empresa, a qualidade de vida dos seus funcionários, a produção da empresa e muito mais.

Uma das melhores formas de incentivar os profissionais de uma empresa e ter uma relação próxima com eles é realizar constantemente o feedback, que dependendo da ocasião pode ser positivo ou negativo.

O que é feedback?

O feedback é a principal ferramenta de medição do desempenho dos funcionários. A sua aplicação contribui para orientar os profissionais e oferecer um parecer sobre o seu trabalho. O feedback é uma pratica muito comum nas empresas de hoje, algumas pessoas ainda o veem como um “puxão de orelha”, porém o feedback representa uma crítica negativa ou positiva, mas sempre construtiva.

O objetivo principal do feedback é reforçar as qualidades, diminuir os defeitos e contribuir para o crescimento profissional do funcionário. Todo feedback traz retornos e consequências. Desses resultados, podemos ver como essa pratica é importante. O retorno diz respeito ao aprendizado que essa ferramenta dar para os funcionários. Depois de um feedback o funcionário saberá quais pontos deve manter e quais deve mudar.

Já em relação a consequência, está aliada à motivação do funcionário em desempenhar um bom trabalho a partir da crítica construtiva que recebeu, porque se sentirá reconhecido pelas coisas que faz.

Quando o feedback é negativo, o funcionário será orientado a implantar as mudanças necessárias porque ele entenderá que seus superiores estão acompanhando as  suas atividades e se interessam por seu desenvolvimento.

Importância do feedback positivo e negativo

O feedback é muito importante, não importando se é positivo ou negativo, pois é uma ferramenta de comunicação entre os funcionários e seus superiores. Ele possibilita o aprendizado e a melhoria do ambiente de trabalho. Elogios diários ou avaliações de desempenho são usados para orientar os colaboradores.

O feedback diminui ansiedades e incertezas, por isso é uma ferramenta que mostra respeito e consideração pelos seres humanos. A maior parte da nossa reação nas mais variadas ocasiões só é percebida com a ajuda das pessoas que trabalham e vivem perto de nós.

A importância do feedback positivo e negativo é que ele oferece aos funcionários a compreensão de como eles estão sendo vistos no ambiente de trabalho. Essa atitude alinha o comportamento do trabalhador ao grupo, o que faz com que a empresa alcance melhores resultados.

Tipos de feedback

O feedback deve ser feito pelo superior direto do trabalhador. O líder é a pessoa que tem maior contato com o profissional, portanto já existe uma relação de confiança, por isso a aceitação do feedback é maior.

Os tipos de feedback são: Positivo, esse é o feedback mais aguardado pelos funcionários, pois consiste em elogios e exalta os pontos fortes do profissional; Feedback negativo, é o mais temido pelos trabalhadores, porque o chefe destaca os erros do profissional e indica os pontos que ele deve melhorar e feedback construtivo, que consiste na junção do positivo e negativo, porque aponta o que não está certo e fala dos pontos positivos do funcionário.

Portanto, o feedback é uma ferramenta muito importante para o dia a dia de todas as empresas, pois aproxima os chefes e seus funcionários.

Como se Superar em Tempos de Crise

Comandar uma empresa nesses tempos de crise não é fácil, pois é um grande desafio manter uma empresa sólida em um mercado, no qual muitas companhias estão fechando as portas. Para manter uma empresa de sucesso é preciso ter confiança no negócio e investir na qualificação dos processos de gestão.

Para não baixar o rendimento da empresa no Brasil de hoje, aqui vão algumas dicas muito importantes que evitarão a falência.

Como se superar em tempos de crise

Inovação – Inovar é a primeira dica para manter a empresa no mercado, criar diferenciais  competitivos é uma estratégia essencial para quem trabalha com a gestão de qualquer negócio. Nos momentos de crise, a inovação é o caminho natural, por isso, estimule seus colaboradores a encontrarem alternativas para realizar os processos, não só na linha de produção como também nas vendas.

Planeje e siga as metas – Realizar um planejamento e definir as metas é muito importante para todos os tipos de negócio, especialmente em tempos de crise econômica. Crie um plano realista e siga todas as metas que parecem que funcionarão nos tempos de crise, analisando o que não deu certo no passado e ajeitando o caminho que deve seguir.

Com um planejamento claro e simples é fácil se prevenir contra imprevistos e resolver problemas do cotidiano com mais eficiência.

Analise e repense investimentos – Mesmo diante de um cenário adverso é indicado investir recursos em iniciativas que trarão bons resultados no futuro. Para ter certeza na definição dos objetivos do investimento, é necessário garantir a manutenção da empresa e depois seguir o processo de expansão.

Uma das melhores áreas que uma empresa pode investir é na tecnologia, porque investir em um sistema de gestão empresarial traz ótimos resultados na tomada de decisões, pois elas serão baseadas em fatos concretos, que mostram os indicadores do negócio com precisão e fidelidade.

Informações precisas – Obter informações precisas dá a possibilidade de realizar uma gestão eficiente. Uma coisa é certa, não tem como tomar decisões acertadas sem contar com as informações precisas e confiáveis sobre o seu negócio. Fazendo uma análise de cada setor da empresa é possível verificar se o negócio está tendo lucros, se há alguma coisa para melhorar, se tem como economizar em determinados processos e como a empresa está reagindo as exigências do mercado.

Previna-se e enfrente o cenário econômico – Mesmo que na prática não seja indicado tomar decisões drásticas, muitas pessoas agem imediatamente cortando investimentos, diminuindo a produção e demitindo funcionários, porém tudo isso também tem um custo.

É importante que antes de tomar qualquer atitude o empresário analise com cuidado cada ação que deverá ser implantada. Tenha atenção aos dados financeiros, veja como está o estoque, evite o excesso de horas extras e cuide muito bem da sua contabilidade, tendo cuidado para não misturar as contas da empresa com as pessoais.

Portanto, a crise econômica está atingindo a todas as empresas, não importando o seu tamanho e negócio. Para manter uma empresa de sucesso mesmo em um país em crise, como o Brasil, siga as dicas acima e tenha consciência que o êxito da sua empresa depende de você e dos seus empregados, por isso, é essencial tomar as decisões em conjunto.

Qual a Importância do Recursos Humanos

Para uma empresa dar certo ela precisa de vários setores que unidos formam um negócio seguro e promissor. Entre os setores que mais se destacam em uma empresa está o Recursos Humanos.

O setor de recursos humanos das empresas não apenas entrevista, seleciona, contrata e demite os funcionários. O RH é o responsável por todas as práticas e políticas relacionadas à administração de comportamentos dentro de uma empresa. O departamento de Recursos Humanos considera as pessoas como recursos, criando estratégias e investimentos para desenvolver as capacidades de cada profissional.

Qual a importância dos Recursos Humanos

O RH está envolvido totalmente no funcionamento de todas as áreas de uma empresa, na medida em que trabalha como mediador entre os interesses dos profissionais e os da empresa. Através de análises que levam em conta não só o contexto pessoal, como o profissional em que cada trabalhador se encontra.

Os Recursos Humanos contribuem para a construção de planos de carreiras que combinam com cada colaborador desenvolvendo habilidades e competências de todas as pessoas envolvidas.

Diferencial dos Recursos Humanos nas empresas

O principal diferencial da área de Recursos Humanos nas empresas é que ela é um canal de comunicação entre os profissionais e a empresa. Esse canal está sempre aberto para ouvir as necessidades e planos dos trabalhadores em relação ao seu desenvolvimento e crescimento profissional.

O setor de Recursos Humanos contribui para o sucesso de qualquer companhia, pois mantém os funcionários satisfeitos e motivados.

Mudança no setor de Recursos Humanos

Nos últimos anos o setor de Recursos Humanos passou por uma grande mudança deixando de ser somente operacional e passando a ser uma área parceira na gestão de pessoas, onde gestores e empresas têm se aliado como parceiros estratégicos para a tomada de decisões essenciais para a empresa que refletem diretamente no potencial dos seus recursos.

Ganhos para as empresas que investem no setor de RH

Os ganhos para as empresas que investem na área de Recursos Humanos são muito grandes. O capital humano é o principal bem e também é a maior fonte de custo das empresas. A folha de pagamento chega a custar 20% a 30% do faturamento de uma empresa e conseguir tirar o melhor deste recurso é essencial.

A empresa ganha quando capitaliza este recurso, ou seja, o profissional, aumentando a eficiência e produtividade por meio de práticas de engajamento e motivação, porque um grupo motivado trará mais retorno para as tomadas das decisões futuras.

As principais responsabilidades do setor de Recursos Humanos é estar antenado com os negócios, conhecer práticas de recursos humanos e também do negócio da empresa para poder propor ações para aumentar os resultados. Hoje o setor de Recursos Humanos se tornou um processo de gestão de pessoas integrado onde o profissional de RH está na empresa como um suporte do negócio.

Competências exigidas de um profissional de RH hoje

Nos dias atuais, o profissional de RH tem que entender muito de tudo que se propõe. Mais do que nas suas áreas, como folha de pagamento, treinamento e desenvolvimento dos profissionais e remuneração, ele tem que entender de todo o negócio da empresa em geral.

Portanto o setor de Recursos Humanos é muito importante para uma empresa, pois ele tem a função de cuidar de tudo relacionado aos trabalhadores da companhia e ainda ajudar a empresa em outras áreas.